13/01/2020 às 19h02 |

Vacina penta chega aos postos de Camaçari, mas nem todo criança tem sorte de tomar

 

Em falta a nível nacional, de acordo com informações divulgadas pelo município e pelo Ministério da Saúde, a vacina Pentavalente está chegando aos poucos as Unidades Básicas de Saúde (UBS) de Camaçari, mas para conseguir imunizar seus filhos, os pais precisam peregrinar entre os postos. Mães relatam que ligam para confirmar se tem a vacina, quando chegam no local já acabou.

O Ministério da Saúde começou a distribuir na última quinta-feira (09/01) 1,7 milhão de doses da vacina Pentavalente aos estados, que vão encaminhá-las em seguida aos municípios. Segundo informações do MS, de junho a dezembro de 2019, a distribuição estava irregular devido a problemas com os fornecedores. Salvador recebeu 4,5 mil novas doses da vacina Pentavalente, distribuídas para 26 postos de saúde da capital baiana.

A vacina garante a proteção da criança contra cinco doenças: difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e a bactéria Haemophilus influenza tipo B que é responsável por meningite e infecções no nariz e na garganta. De acordo com o ministério, o Brasil compra a vacina por meio do Fundo Estratégico da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), por não existir laboratório que produza no país.

 

Tags

sem tags

Comentários

ATENÇÃO !

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Mais de Camaçari