30/06/2020 às 23h51 |

Após reunião prefeito de Camaçari decide manter comércio fechado por mais 15 dias

Redes Sociais do prefeito Elinaldo

 Redes Sociais do prefeito Elinaldo

Um dia antes de data prevista para reabertura do comércio de Camaçari, fechado por decreto em função da pandemia da Covid-19, o prefeito Elinaldo Araújo decidiu após reunião, realizada na tarde desta terça-feira (30/06), manter as lojas consideradas serviços não essências sem funcionar por mais 15 dias. No encontro estavam presentes autoridades policiais, secretariado municipal e representantes da associação de comerciantes.

Após ouvir a opinião de todos em relação as medidas tomadas pela gestão no enfrentamento ao coronavírus no município, que tem na última semana, aumentado de forma exagerado o número de casos da doença na cidade, foi unânime a decisão de prorrogar por mais 15 dias a reabertura do comércio. As lojas já estão fechadas há mais de 100 dias.

O secretário de saúde, Luiz Duplat, apresentou um relatório do trabalho realizado pela pasta no município em relação ao combate da pandemia, bem como a ocupação dos leitos das unidades de enfretamento ao vírus. No mês de junho, Camaçari chegou a atingir 100% e precisou contratar mais leitos em um hospital particular, para atender a demanda.

As recorrentes situações de descumprimento de decretos, já publicados por meio do Diário Oficial do Município (DOM), reforçaram a decisão de manter fechado o comércio, segundo a opinião dos comandantes do 12º Batalhão da Polícia Militar da Bahia, o tenente-coronel, Gabriel Neto e da 59ª Companhia Independente da Polícia Militar da Bahia, major André Presa. Mesmo entendimento da delegada titular da 18ª Delegacia Territorial (DT), Thaís Siqueira, que ressaltou ainda que “por mais que o prefeito se esforce em conseguir mais leitos, a situação ainda é preocupante”.

A presidente do Sindicato do Comércio Patronal de Camaçari e Região (Sicomércio Camaçari), Juranildes Araújo, se mostrou preocupada em relação ao prolongamento do decreto, mas votou contra a reabertura. “Entendo que diante do que estamos vendo e para nossa segurança, é importante aguardar mais alguns dias”, pontuou.

O prefeito Elinaldo destacou que buscou ouvir todos, por entender a importância de uma gestão democrática e transparente, dividindo com os presentes a responsabilidade de manter o comércio fechado. “Estamos nos esforçando ao máximo para salvar vidas. Estamos trabalhando com os pés no chão”, disse o gestor.

O chefe do executivo ainda anunciou que na próxima quinta-feira (02/07), o município receberá 25 mil novos testes rápidos para serem aplicados em especial, nos bairros com maior incidência de casos positivos.

Tags

sem tags

Comentários

ATENÇÃO !

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Mais de Camaçari