Publicado em 30/05/2019 às 11h29 | |

Estudantes em protesto fazem aula na Praça Montenegro

Os estudantes realizaram uma caminhada até a praça Abrantes por volta das 11:30 da manhã, onde dispersaram. Não houve confusão.

 

Estudantes do IFBA, escolas estaduais, professores e profissionais da educação realizaram nesta quinta-feira (30 de Maio) um ato em defesa da educação, contra os cortes na educação pública pelo governo Bolsonaro, contra a proposta do governo de reforma da previdência, contra a reforma trabalhista do Governo Temer, contra o projeto "Escola Sem Partido" e contra os retrocessos em políticas sociais que, segundo os organizadores, geraram mais desemprego e pobreza.

Cerca de 200 pessoas se aglomeraram na Praça Montenegro en Camaçari, onde realizaram sarau e aula pública, com palavras de ordem, cartazes e distribuição de panfletos informando as pautas do movimento.

O ato faz parte de uma mobilização nacional e estava marcado desde o último dia 15 de maio, quando mais de 2 milhões de pessoas foram ás ruas em todo o país após os cortes no orçamento e declarações polêmicas do ministro da educação Abraham Weintraub.

Os estudantes realizaram uma caminhada até a praça Abrantes por volta das 11:30 da manhã, onde dispersaram. Não houve confusão.

Alan Dourado para o Portal Abrantes

Comentários

ATENÇÃO !

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Mais de Educação