Publicado em 11/09/2019 às 08h59 | |

Prazo de adesão ao PAA é prorrogado até o dia 20 de setembro

Foto: Ascom/PMC

 Foto: Ascom/PMC

Foi prorrogado até o dia 20 de setembro o prazo de cadastro para adesão ao Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), iniciativa interrompida pela União em 2017 e que voltou a ser executada em Camaçari com a disponibilização de R$ 800 mil em recursos pelo Governo Federal, que será destinado à compra de produtos produzidos por agricultores familiares do município. Até o momento, 123 produtores aderiram ao programa que no município é gerido pela Secretaria de Desenvolvimento da Agricultura e Pesca (Sedap).

A extensão do prazo se deu pela necessidade de atingir um número ainda maior do que o obtido. A meta é alcançar 200 até sexta-feira (13). De acordo com a pasta gestora, a adesão tem sido muito boa e a expectativa é de chegar a 350 até o dia 20, uma vez que profissionais da Sedap se deslocarão até as comunidades mais distantes para oportunizar e facilitar o processo de cadastro para os agricultores. Com isso, a Sedap deve chegar a um total superior a 500 produtores, visto que já existe uma lista prévia com cultivadores pré-cadastrados.

As compras dos produtos, previstas inicialmente para a primeira semana de outubro, também foi modificada por conta da prorrogação, passando para a segunda. Para fazer o cadastro, o produtor deve procurar a Coordenação de Agricultura da Sedap, localizada na Casa do Trabalho, na Rua do Migrante, s/n, Centro, das 8h às 16h, e apresentar cópia do RG, CPF, comprovante de residência, extrato válido da Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP), dados bancários e Número de Identificação Social (NIS).

Promover o acesso à alimentação e incentivar a agricultura familiar estão entre as finalidades básicas do PAA. No município, o programa é uma importante ferramenta de combate à fome, pois os alimentos comprados são destinados às pessoas em situação de insegurança alimentar e nutricional e às atendidas pela rede socioassistencial.

Em casos de dúvidas ou necessidade de mais informações, o cidadão pode ligar para os números (71) 3622-7343/7397.

 

 

Tags

sem tags

Comentários

ATENÇÃO !

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Mais de Agricultura e Pesca