Publicado em 21/10/2019 às 09h08 | |

Escola Nolusa em Abrantes faz parceria com Polo Universitário

 

Já são quatro anos de existência da Escola Nolusa, ofertando um ensino de qualidade para a população de Vila de Abrantes, na Costa de Camaçari. E em 2020, a unidade educacional vai ampliar, a partir de uma parceria com um Polo Universitário de ensino a distância.

Atualmente, o Nolusa ensina da educação infantil ao 3º ano do ensino médio, e a partir do ano que vem vai oferecer vagas para graduação e pós-graduação. “Estamos crescendo gradativamente. Começamos com o primeiro prédio, no segundo ano implantamos, a pedido dos pais, o ensino fundamental dois, depois a primeira turma do ensino médio e agora trazemos o ensino superior”, destacou o fundador e diretor da escola, Rodrigo Barbosa.

Assim como no ano de 2019, em que a unidade inseriu atividades esportivas na grade curricular, 2020 já está sendo planejado. “Uma das novidades é a nossa sede própria, localizada na Rua D. Pedro Primeiro, onde contamos com cinco salas de aulas estruturadas, todas com datashow, ambiente confortável e área de lazer”, ressaltou.

Para melhor atender os alunos e priorizar a educação individual, as turmas foram limitadas. “20 alunos nas séries iniciais e 25 no fundamental e médio. Prezamos hoje pela qualidade, onde ele terá um espaço confortável, proporcionando uma melhor qualidade de ensino, uma logística melhor, mudando todo um contexto da escola. Unindo o ambiente e o ensino”, destacou o diretor.

Já consolidada no distrito, a escola Nolusa tem investido não apenas na estrutura física, mas também de educadores preparados e um currículo pedagógico diferenciado. “Buscamos no início a aceitação, hoje a busca é por um ensino diferente, com um alicerce preparado, um Nolusa do horizonte. Avançamos no qualitativo, em um grupo de educadores de muita qualidade”, finalizou Rodrigo.

Tags

sem tags

Comentários

ATENÇÃO !

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Mais de Educação